Cabelos oleosos

Cabelos oleosos

O cabelo e o couro cabeludo com tendência a ser oleoso sofrem de excesso de sebo. Uma rotina capilar adequada e os produtos certos permitem intervalos mais longos entre lavagens, para um cabelo leve e saudável.

Filtrar produtos

2 resultados

Cabelos oleosos: produtos de regulação sebácea

Como se combate o cabelo oleoso?

Recuperar um cabelo saudável pode ser uma verdadeira luta quando se tem cabelo oleoso. O espaçamento das lavagens do cabelo nem sempre é suficiente para purificar um couro cabeludo oleoso e reduzir o excesso de sebo.
Escolher os produtos capilares certos, enriquecidos com ingredientes ativos naturais e óleos essenciais, é a chave para um cabelo saudável.

O que significa cabelo oleoso?

Ter cabelo ligeiramente oleoso é completamente normal: o sebo é uma substância excretada naturalmente nos folículos capilares na raiz do cabelo. Esta substância é essencial porque protege o cabelo dos agentes agressores externos. Também evita que o cabelo fique seco.
O cabelo oleoso é quando o sebo é produzido em excesso. Esta sobreprodução de sebo é o resultado de uma perturbação no funcionamento das glândulas sebáceas. Quando estas glândulas produzem demasiado sebo, o cabelo torna-se oleoso. Fica pesado e brilhante, muitas vezes no dia seguinte ao da aplicação do champô. O couro cabeludo também pode ser afetado: é por vezes sensível, irritado, e tem comichão. Neste caso, existe apenas uma solução para recuperar o cabelo normal: modifique a sua rotina capilar para permitir que os folículos capilares regulem a sua produção sebácea.

Trate os cabelos oleosos, determinando a sua causa

Determinar a causa dos cabelos oleosos é essencial para tratar o problema de forma eficaz. As causas do excesso de sebo são simples e podem ser tratadas: o cabelo oleoso pode ser salvo! Poluição, desequilíbrios hormonais, stress, e uma dieta rica em gordura ou açúcar podem tornar o cabelo oleoso. A utilização de produtos capilares que não são adequados ao seu tipo de cabelo também tem um impacto negativo sobre a produção de sebo.

Que produtos deve escolher para o cabelo oleoso?

Champôs para cabelos oleosos

Os produtos para cabelo seco ou muito seco ou produtos extra nutritivos não devem ser usados quando se tem cabelo oleoso. É melhor optar por produtos de limpeza combinados, que hidratam os comprimentos enquanto cuidam do excesso de óleo nas raízes, ou champôs para cabelos oleosos. Permitem espaçar a frequência entre lavagens. Deve, portanto, escolher um champô suave com uma composição leve. Os champôs enriquecidos com óleos essenciais purificantes e de limpeza são ideais para cabelos oleosos.
René Furterer optou por oferecer um champô sem silicone, rico em óleos essenciais de curbícia, o regulador de sebo por excelência, mas também tomilho, alecrim, laranja e cravinho. Estes óleos essenciais, com as suas virtudes complementares, limpam o cabelo e o couro cabeludo em profundidade, sem o danificar. São completamente naturais.

Cuidados a ter com o cabelo oleoso

Os condicionadores e as máscaras devem ser escolhidos com o mesmo cuidado. As máscaras devem ser aplicadas apenas nos comprimentos e nas pontas, de modo a não aumentar a produção de sebo.
As máscaras René Furterer contêm óleos essenciais e argila absorvente. Esta argila mineral, utilizada desde o início dos tempos, absorve eficazmente a gordura e as impurezas. Remove a camada gordurosa do cabelo e é muito fácil de enxaguar.

Couro cabeludo oleoso: escolha de produtos adequados

Cuidar do seu couro cabeludo oleoso, que pode ser sensível e doloroso, é essencial. Muitos séruns são concebidos para o hidratar e reparar sem estimular a produção de sebo. Os produtos devem ser escolhidos pelas suas qualidades purificantes e de limpeza.

Os óleos, por outro lado, devem ser evitados: aplicados nas raízes, apenas acentuam a qualidade oleosa do cabelo, mesmo após um enxaguamento meticuloso.